Quarto do bebê

DSC00200Olá queridas leitoras,

uma hora de muitas dúvidas, com certeza, é a escolha do quarto do baby. As cores, os móveis, o papel de parede, qual estilo seguir, o que colocar no quarto etc.
Também tive todas essas dúvidas mas após muitas pesquisas consegui chegar a uma conclusão.

Não importa o quão bonito o quarto vai ser, se ele não for funcional para você e para o bebê pode ter certeza que mais cedo ou mais tarde você irá se arrepender.

DECORAÇÃO

No quarto do Guilherme eu optei por tons pastéis: papel de parede listrado em bege e branco em cima, um rodameio branco divindo a parede e na parte de baixo um tom meio bege (cor: meditação da coral).

O quarto não era totalmente retangular, em uma das paredes havia uma espécie de recuo que até hoje não sei o porque que ela existia. hahaha
Então resolvemos fazer um armário embutido com algumas prateleiras que ficou muito bacana – e pasmem, foi o meu sogro que fez. hahahaha

Os móveis (berço, cômoda e guarda-roupa) são da http://www.puppimobile.com.br/ , eu escolhi o modelo com cristais swarovski. Eu achei esse fabricante numa feira de bebê e gestante daqui de Vitória-ES. A loja era em Belo Horizonte, mas mesmo assim comprei e paguei o frete. Os preços estavam tão incríveis que, mesmo desse jeito, valeu muito a pena. Os móveis tem excelente qualidade. Indiquei para amigas e elas também adoraram.
O guarda-roupa meu marido escolheu o de 3 portas, eu achei que fosse ser pequeno (eu queria o de 4 portas – tenho mania de ser exagerada) mas ainda bem que ele tem bom senso. hahaha
O de 3 portas era do tamanho que precisávamos.

O quartinho do Gui é bem simples, porém, funcional.

Em cima da cômoda tem um trocador que eu encomendei ( https://www.facebook.com/cacosefios ) e um abajur pequeno que comprei na tok&stok. Na primeira gavetinha eu coloquei as fraldas, lenço umedecido (antes era algodão), escova de cabelo, escova de dente, tesoura e as pomadas para facilitar a hora da troca. Está tudo a mão, ficou ótimo.

Nas gavetas maiores fui ordenando por ordem de uso: na primeira gaveta as roupas que ele mais usa, na segunda gaveta as meias e as roupinhas que não se usa tanto…e assim por diante.

No guarda-roupa: as roupas de cama, roupas no cabide, as fraldas que ele ganhou no chá e mais umas coisinhas.

Os quadros na parede dele também são da Cacos e Fios (https://www.facebook.com/cacosefios), o trabalho da Jocélia é incrível. Super recomendo.

A cortina eu mandei fazer. Usei um blackout e por cima um tecido leve, com caimento. 😉

Eu optei por um quarto sem muitas coisas coloridas, afinal, a estimulação visual agita o bebê e, consequentemente, ele terá dificuldades para dormir. Então, quanto mais calmo for o ambiente, melhor. Vamos deixar o agito para fora do quarto.

Ah, eu não usei cadeira de amamentação. Acho aquela poltrona um super trambolho e que depois ia ficar encostada e não ia usar para nada. Eu escolhi um puf azul, não para amamentar mas para decorar. 😉
Obs.: Eu sempre amamentei na cama ou no sofá.

O Guilherme dormiu no mesmo quarto que eu até os 3 meses. Desde então ele dorme no seu quartinho e sem babá eletrônica. Eu prefiro não usar porque, senão, ao som de qualquer gemidinho que ele dê, eu acordo. E muitas vezes a reclamação dele é apenas para soltar pum e do mesmo jeito que ele acorda ele dorme de novo.
(eu só uso quando vou a alguma festa em que o Gui dorme e eu preciso colocar ele longe do barulho)

Apesar de ser extremamente lindo todas aquelas pelúcias e tapetes, lustres maravilhosos, diversas almofadas, etc, todas essas coisas não são ideais para um quartinho de bebê. Afinal, todas elas acumulam poeira e ácaro, o que pode desencadear uma alergia no bebê. E não é apenas isso.

IMPORTANTE
O berço ideal indicado pela Academia Americana de Pediatria não é bonitinho, mas o importante é a segurança. Nada de protetores de berço, almofadas, travesseiros, muito menos bichos de pelúcia, esses tipos de adornos podem sufocar a criança.
O colchão tem que ser firme, ocupando todo o espaço interno no berço, sem vãos nas laterais. E ele tem que ficar reto, e não inclinado.

Okay, muitas mamães podem dizem que a funcão do protetor de berço é justamente essa, PROTEGER. Acontece que mesmo que o baby dê leves batidinhas, seja nos bracinhos, nas perninhas, ou até na cabecinha, não vai representar risco. Entretanto, um protetor mal colocado que possa servir de escada acaba representando um risco bem maior.

Como vocês podem ver nas fotos, eu preferi não usar e nunca tive problemas. Achei até melhor porque é uma coisa a menos para me preocupar em limpar. hahaha 😉
Na hora de dormir, no berço do Gui, só fica o travesseiro (que é de adulto porque ele tinha refluxo).

No google tem muitas opções de quartinho, eu digitava “quarto de bebê” e via todas as fotos.
Espero que tenham gostado das dicas 😉

beijo, beijo

DSC00186 DSC00187DSC00190 DSC00193DSC00201 DSC00194 DSC00195 DSC00198DSC00202DSC00196 DSC00203

Anúncios

Sobre Barbarabpozzi

| Babi para uns, Bah para outros, mamãe para dois. Uma constante apaziguadora de meninos • A maternidade sem firulas |
Esse post foi publicado em Dia-a-dia e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Quarto do bebê

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s